Filé Mignon ou Picanha: qual é a mais nobre e qual escolher?

Ambos cortes são sofisticados e extremamente saborosos, mas… no fim das contas, qual é a mais nobre: filé mignon ou picanha? Para responder essa questão, reunimos aqui todas as principais informações de cada um dos cortes.

Indo desde características das carnes até quais são os melhores acompanhamentos. Além de uma sugestão de quais ocasiões mais se encaixam para apreciar cada um deles.

Logicamente, toda ocasião vale a pena degustar um bom corte de qualidade. Então não é como se estivéssemos ditando alguma regra, mas apenas sugerindo os momentos ideais para o consumo de cada.

Na realidade é possível dizer que o filé mignon ou picanha são ambos bastante nobres. Desde que seja comprado em um açougue confiável e que trabalhe com marcas de boa procedência.

Só que aqui vamos entender qual é mais nobre em cada situação e quais os aspectos de cada um. Prepara o estômago porque vai ser um post de dar água na boca e que faz a gente passar vontade.

Agora fica até o fim com a gente para conseguir se decidir entre filé mignon ou picanha.

Filé Mignon ou Picanha

Filé Mignon

Para decidir entre filé mignon ou picanha, você precisa conhecer cada aspecto de cada uma. E vamos começar por essa que é considerada uma das carnes mais nobres do bovino.

O filé mignon fica localizado na parte traseira do boi e é retirado do contra-filé, saindo de uma região que não possui contato com nenhum membro. Esse é um dos principais motivos que torna o corte extremamente macio.

Sim, se você busca por maciez em uma carne, o filé mignon é o ideal. Sua textura é bastante suave e ainda conta com uma bela suculência graças a irrigação da peça.

Quer saber como fazer um churrasco suculento? É só passar nesse conteúdo linkado, demos 9 dicas para você.

Além disso, trata-se de um corte bem magro. Ele não possui gordura e nem marmoreio, também sendo uma característica da parte do boi da qual é retirado. O ponto positivo do filé mignon é esse: é suculento, macio e magro ao mesmo tempo.

Algumas combinações deliciosas de acompanhamentos são:

  • Salada de batata
  • Batata frita
  • Batata rústica
  • Legumes grelhados
  • Arroz à piamontese
  • Macarrão na manteiga
  • Vegetais ao alho e óleo

O ponto é algo pessoal, mas a sugestão para o filé mignon é de preferência mal passado ou, no máximo, ao ponto. Assim você aprecia mais as características da carne, saboreando o paladar.

Para harmonizar, vale investir em um bom Cabernet Sauvignon. Sendo então um prato para se degustar em uma ocasião especial.

É possível de se fazer na churrasqueira e fica delicioso. No vídeo abaixo do Netão Bom Beef você confere como fazer essa nobreza:

Só que o ideal é se degustar em um bom prato com esses acompanhamentos caprichados e bem preparados.

Segundo site da Swift, o kg do filé mignon sai por mais de R$79,00.

Picanha

Agora vamos falar sobre a princesa dos churrascos brasileiros. Ela também não fica para trás no quesito qualidade e sabor, sendo uma difícil decisão entre filé mignon ou picanha.

Também é retirada da parte traseira do boi, da região do alcatra e do coxão duro. Trata-se de um corte específico de, aproximadamente, 1,5kg da alcatra. No vídeo abaixo do Netão Bom Beef com o Zé Almiro do Churrasqueadas você visualiza a limpeza da peça:

Se quiser, ele tem um curso de churrasco do Netão. O cara é fera e conhece muito do assunto, além do canal possui também um açougue gourmet e uma hamburgueria.

Bom, agora em suas características físicas devemos falar sobre as mais marcantes: presença de uma capa de gordura que dá muito sabor à peça

Além disso, ela conta com baixa presença de músculos, o que a deixa macia, e muito sangue, a deixando suculenta.

Por isso é um corte tão desejado nos churrascos brasileiros. É retirada da região de carne de primeira e ainda conta com essas características que a tornam uma carne cheia de personalidade.

Para apreciar uma boa picanha é indicado que esteja ao ponto para mal. Bem passado ela endurece e perde no sabor.

A melhor ocasião para aproveitar essa belezinha, não tem jeito: é em um churrasco caprichado. Para acompanhamento basta:

  • Farofa
  • Pão de alho
  • Vinagrete
  • Arroz

Para tempero vale apenas algum sal para churrasco e, no máximo, uma pimenta do reino. Por fim, para harmonizar vale ter uma boa IPA de companhia. Para quem é do vinho: Malbec ou Cabernet Sauvignon.

No site do Carrefour encontramos uma picanha bovina pelo valor de R$171,65. Lembrando que esse preço é baseado de uma pesquisa rápida, é possível que tenha variações pela região ou local de compra.

Filé Mignon ou Picanha: qual a mais nobre?

É uma pergunta difícil, ambos cortes são bem valorizados e deliciosos. Podemos dizer que entre filé mignon ou picanha, o primeiro é mais nobre. Só que isso não significa ser necessariamente melhor.

Como deu para ver ao longo do texto, as duas são belíssimas opções. Para decidir vale pensar mais no contexto em que se pretende consumir a carne. 

Digamos que o filé mignon seria mais indicado para um jantar especial enquanto a picanha para um churrasco bem caprichado no almoço.

Vale reforçar o que falamos na introdução: estamos deixando aqui apenas sugestões. Você pode (e deve!) degustar dessas saborosas e suculentas peças da forma e na ocasião que preferir.

No fim das contas trata-se de dois cortes incríveis e que com certeza renderão uma experiência gastronômica deliciosa. Não tem escolha errada, se tiver a oportunidade e for possível financeiramente para você adquirir qualquer uma das duas, aproveite!

Gostou do conteúdo sobre filé mignon ou picanha?

Conta para a gente qual é o seu preferido. Se você quiser se tornar um ou uma expert em churrasco, não deixe de passar no curso de churrasco do Netão Bom Beef 😉

Agora, se você curte saber sobre peças nobres e valorizadas, que tal passar no nosso conteúdo sobre cortes especiais de carne? Lá você confere uma lista com 7 opções deliciosas para experimentar em um bom churras.